-1.9 C
Nova Iorque
quarta-feira, junho 16, 2021
Home Imigração INTERNATIONAL ENTREPRENEUR PAROLE PROGRAM

INTERNATIONAL ENTREPRENEUR PAROLE PROGRAM

O programa para Empreendedores Estrangeiros voltou a ser oferecido para os imigrantes nos Estados Unidos. O programa foi criado em 2017 pelo ex presidente Barack Obama bem no final de seu mandato e foi congelado com a entrada do também ex presidente, Donald Trump, que não deu continuidade. Agora, no atual governo de Joe Biden, o programa retorna para beneficiar os empreendedores estrangeiros, juntamente com os esforços do atual presidente para melhorar e reestruturar a imigração.

Com a volta do programa, os brasileiros terão mais possibilidades de criar o seu próprio negócio nos EUA de forma menos burocrática, pois havia uma grande dificuldade dos brasileiros abrirem a sua empresa por não conseguirem se encaixar em nenhum tipo de visto, não possuiam os requisitos exigidos e até por falta de dinheiro. Agora, poderão trabalhar de forma legal em seu próprio negócio nos EUA e poderão trazer também os seus dependentes (filhos menores de 21 anos e cônjuge).

O programa é voltado para empreendedores estrangeiros, startups com potencial de crescimento e que possuam benefício público nos Estados Unidos. O funcionamento do programa não exigirá visto e a aplicação do programa ocorrerá diretamente pelo site da imigração, será concedido uma autorização de permanência de até cinco anos nos EUA. As startups devem obter no mínimo de US $250,000 em capital de risco americano ou consceção de capital e gerar empregos. 

Serão selecionados cerca de 3.000 empreendedores por ano para serem beneficiados no programa, os interessados deverão apresentar seus projetos que serão analisados caso a caso para serem escolhidos. Estima-se que com a volta do funcionamento do International Entrepreuner Progam, sejam gerados cem mil empregos na próxima década, pois a exigência do governo é qualificar empreendedores estrangeiros a abrirem seu próprio negócio e que gerem novos empregos.

Os requisitos que os interessados devem cumprir nas startups para serem selecionados são: ter até 3 sócios, ter recebido estimulos financeiros de até $250.000 de  investidores ou de até $100.000 do governo para desenvolvimento econômico e pesquisas. Os cônjuges dos selecionados também poderão trabalhar legalmente e os filhos menores de 21 anos poderão estudar no período da permissão de permanência concedido. 
Os empreendedores beneficiados só terão a permissão de trabalhar em seus próprios negócios juntamente de seus sócios, já os cônjuges terão a liberdade de trabalharem com o que quiserem

Outra condição, é ter uma participação acionária em uma startup que tenha potencial de crescimento e foi criada nos últimos cinco anos, ter um papel central e ativo na startup e desenvolver um benefício publico significativo para os Estados Unidos demonstrando o crescimento dessa startup e gerando novos empregos

Para aplicar o programa, é necessário preencher o formulário 1941 e efetuar um pagamento de uma taxa de inscrição de US $1.200 e mais $85 da taxa de biometria para o governo americano. Se houver aprovação no processo, é preciso ir ao consulado do país de origem para apresentar a petição aprovada e eles entregarão os documentos especiíficos que representam o programa e autorizam a sua viagem, por esse motivo não é exigido o processo imigratório

Para mais informações, consulte um advogado de imigração para auxiliar e orientar nesse processo.

Fonte: USCIS

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Populares no Portal