Boas notícias aos viajantes com destino aos Estados Unidos

Limitação das chegadas internacionais será encerrada para o Brasil e outros países que deixarão a necessidade de exames de saúde com base em sintomas

Os Estados Unidos planejam encerrar a limitação das chegadas internacionais de alguns países com destino a 15 aeroportos fazendo uma triagem. A restrição se encerra em breve e os passageiros serão avisados ​​sobre os riscos.

“A partir de 14 de setembro de 2020, o governo dos EUA removerá os requisitos para direcionar todos os voos que transportam passageiros de companhias aéreas que chegam de, ou tiveram presença recentemente em, determinados países para pousar em um dos 15 aeroportos designados e interromper exames de saúde de entrada aprimorados para esses passageiros”, disse o Centro de Controle e Prevenção de Doenças em um post atualizado em seu site.
“Atualmente, a triagem de saúde de entrada aprimorada é conduzida para aqueles que chegam de, ou com presença recente na, China (excluindo as Regiões Administrativas Especiais de Hong Kong e Macau), Irã, região Schengen da Europa, Reino Unido (excluindo territórios ultramarinos fora da Europa), Irlanda e Brasil.”
O rastreamento de sintomas não ajuda muito, porque muitas pessoas não apresentam sintomas, disse o CDC.
“A transmissão do vírus pode ocorrer de passageiros que não apresentam sintomas ou que ainda não desenvolveram sintomas de infecção. Portanto, o CDC está mudando sua estratégia e priorizando outras medidas de saúde pública para reduzir o risco de transmissão de doenças relacionadas a viagens”, afirmou a agência.
Ele disse que os recursos serão dedicados a “esforços de mitigação mais eficazes” focados em indivíduos.
Isso irá incluir “educação de saúde pré-partida, durante o vôo e pós-chegada para os passageiros; resposta robusta à doença nos aeroportos; coleta voluntária de informações de contato dos passageiros por meio eletrônico”, disse o CDC. Isso deve ajudar a reduzir o congestionamento e as filas, disse.
O teste também pode ser uma opção, além de lembrar os viajantes de ficarem atentos aos sintomas e ficarem em quarentena por 14 dias.

fonte: CNN US

Related Articles

Leave a reply

Please enter your comment!
Please enter your name here

Stay Connected

0FansLike
0FollowersFollow
0SubscribersSubscribe
- Advertisement -

Latest Articles